fbpx

A tecnologia vem ganhando cada vez mais força no setor de logística e transporte. Nesse cenário, o TMS tornou-se não só um diferencial, mas algo fundamental para ter uma logística eficiente e se adaptar as mudanças do mercado. Já pensou se, mesmo com a invenção do computador, você continuasse usando máquina de escrever na sua empresa?

Vamos abordar como o TMS para transportadores pode ajudá-lo a ter uma gestão mais eficiente da sua transportadora. Se quiser mais detalhes sobre o TMS para embarcadores, leia esta outra matéria.

 

O que é TMS e como funciona

TMS (Transportation Management System ou Sistema de Gerenciamento de Transporte), como o nome diz, é um sistema voltado para transporte. Mais especificamente, são softwares que automatizam e facilitam a gestão de transportadoras, distribuidores, e-commerces e empresas que terceirizam o frete. O objetivo desses sistemas é automatizar rotinas manuais, evitar retrabalho e tornar a operação mais precisa e eficiente.

A maioria dos TMSs utilizam o EDI (troca eletrônica de dados) que facilita muito a comunicação entre os parceiros com a troca de documentos como CT-e (Conhecimento de Transporte Eletrônico), NF-e (Nota Fiscal Eletrônica), ocorrências, faturas e pré-faturas de forma rápida, transparente e sem os erros causados pelo preenchimento manual de informações. Entenda melhor o que EDI e por que ele é importante para uma logística eficiente.

 

Existem dois tipos de TMS:

Vamos ver com mais detalhes as funções do TMS para transportadoras.

 

TMS para transportadores

O TMS para transportadores é um sistema que faz toda a gestão da empresa. De forma resumida, com ele é possível automatizar:

  • – O operacional, desde a emissão dos CT-es e demais documentos fiscais até as ordens de coleta e todos os passos da entrega.
  • – O financeiro, com o controle do contas a pagar e a receber, emissão de faturas, fluxo de caixa, previsão de orçamento, etc;
  • – O comercial, onde é possível cadastrar as tabelas de frete, cotações, acompanhar a agenda de vendedores e histórico de contatos com clientes, entre outras funções;
  • – A gestão da frota, com o controle de manutenção de veículos, pneus, relatórios de consumo de peças, consumo de veículos, etc.

 

Por que automatizar a gestão da minha transportadora?

Buscar por mais eficiente e agilidade na operação e nos processos é um diferencial muito importante, que interfere diretamente no crescimento da sua empresa. Um sistema eficiente elimina retrabalho e digitação, traz economia de tempo e dinheiro em diversos aspectos, além de ajudar a conquistar novos clientes e a fidelizar clientes ativos. Na situação econômica que estamos, ninguém está em condições de perder clientes, concorda?

“Mas se eu vou automatizar todos os processos, o que vou fazer com os funcionários que fazem essas funções?”. O objetivo do TMS é melhorar a produtividade facilitando o trabalho das pessoas. Com um sistema que automatize rotinas manuais e repetitivas, os funcionários poderão fazer atividades que realmente são importantes para o crescimento da sua empresa e suas habilidades e competências serão melhor aproveitadas.

Como já comentamos em outro post, a redução de custo só é conquistada com processos eficientes, e processos eficientes só acontecem com investimentos. Os ganhos são tão significativos que o sistema “se paga” e o retorno vem em poucos meses.

 

Active Trans tms transportador sistema logística

 

 


 

Comentários