fbpx

Caso você não se lembre, o Frete Brasil é um TMS (Sistema de Gerenciamento de Transporte) que facilita o dia-a-dia dos embarcadores (empresas que contratam transportadores) para que eles tenham uma gestão mais eficiente dos seus fretes e das suas entregas.

O que acontece é que, com o passar do tempo, o Frete Brasil deixou de ser apenas aquela ferramenta (muito útil, inclusive) que apenas confere frete e troca EDI (Intercâmbio Eletrônico de Dados) com o transportador.

Hoje, o software entrega muito mais do que isso para os profissionais de logística. Por isso, o nome Frete Brasil não reflete mais todas as possibilidades que o sistema oferece.

Pensando nisso, a Active Corp, que é a empresa desenvolvedora desse excelente software de gestão, decidiu que chegou a hora de mudar para melhor.

Nessa matéria, vamos explicar com mais detalhes o que motivou essa mudança e porque escolhemos o nome Active OnSupply.

Curioso? Então, vamos lá!

 

Para começar, porque o Active OnSupply foi criado?

Acreditamos que a logística move o mundo. Por isso, é extremamente importante garantir a sustentabilidade do ecossistema de transportes.

São muitos os envolvidos que atuam em momentos diferentes (remetentes, transportadores, motoristas e destinatários), mas todos com um único propósito: uma entrega perfeita.

Agora, imagine que todas essas empresas (e os profissionais que estão por trás delas) estejam interligados, formando uma rede. Todos os passos da entrega são monitorados, desde a escolha da transportadora até a chegada no destino, e todos os interessados podem consultar essas informações a qualquer momento. Isso além de simplificar a entrega, vai também gerar resultados melhores para todos que fazem parte da cadeia de fornecimento.

E como isso é possível?

Essa “rede” é facilmente criada dentro do Active OnSupply. Se todos estiverem integrados, a tecnologia atual permite que as informações cheguem praticamente de forma instantânea.

 

Afinal, o que é o Active OnSupply?

Se fossemos explicar o Active OnSupply em uma única frase seria: Plataforma interativa de gestão e otimização de entregas.

Ou seja, ele é um portal online que simplifica a comunicação entre embarcadores, transportadores e destinatários fazendo com que as informações estejam disponíveis na hora certa. Assim, a entrega fica mais rápida e mais barata. Daí o nome OnSupply, já que ele é um sistema que engloba toda a cadeia de suprimentos (Supply Chain).

 

Usando o Active OnSupply, não é mais necessário usar telefone e e-mail para ter informações sobre o andamento da entrega. Todas as informações, desde o pedido até a chegada no destino.

Como o Active OnSupply, você consegue facilmente:

  • Acompanhar os pedidos;
  • Solicitar e acompanhar coletas;
  • Conferir fretes;
  • Acompanhar o andamento das entregas;
  • Acompanhar a solução das ocorrências;
  • Controlar a logística reversa e inbound;
  • Centralizar as informações de toda a cadeia.

 

E qual é a diferença entre o TMS Active OnSupply e o módulo de logística de um ERP?

Fazendo uma analogia, podemos dizer que o módulo de logística de um ERP funciona como um clínico geral e o TMS um como um especialista.

O Active OnSupply é um software específico para o controle da logística e transporte. Por isso, ele é muito mais completo e eficiente do que um módulo de logística de um ERP, que geralmente se limita a controles básicos.

 

Quer saber como o Active OnSupply pode simplificar

o seu dia a dia e transformar a sua logística?

Preencha o formulário e entraremos em contato com você:


Comentários

Dúvidas? Entre em contato!