fbpx

Em vez de ler, que tal assistir ao vídeo?

 

 

Você, que trabalha com transporte de carga, sabe que a cotação de frete é a porta de entrada do seu cliente. Com certeza você já ouviu a expressão “a primeira imagem é a que fica”. Pensando nisso, te pergunto: qual é a primeira impressão que você está passando para os seus clientes? 

Nesses 27 anos que trabalho diretamente com transportadores de carga, percebi que existem 3 erros que não são tão óbvios sobre cotação de frete e que ninguém te conta. E hoje, decidi compartilhar com você, porque essa informação vai te ajudar a escalar o seu negócio. 

É comum que os donos de transportadora estejam sempre na correria do dia a dia e envolvidos em várias tarefas ao mesmo tempo. Se essa também é a sua realidade, você provavelmente deve estar perdendo dinheiro e grandes oportunidades de expandir sua transportadora. 

Lendo até o final você vai descobrir os 3 principais erros que fazem você perder tempo e dinheiro na etapa de cotação de frete e que precisam ser excluídos aí na sua empresa. 

 

1º Erro: Demorar para responder a cotação de frete e deixar o cliente esperando 

Esse erro, com certeza, é gravíssimo! 

Dependendo do nicho que você está, a velocidade que você responde o cliente determina a sua venda, especialmente em situações nas quais os clientes exigem cotações rápidas para fechar contratos ou pedidos urgentes. 

Veja bem, seu preço pode até ser o melhor, mas se você não consegue responder rápido a cotação de frete, o cliente vai fechar com o seu concorrente. 

Ou seja, demorar para responder a cotação é como o cliente bater na sua porta e você não atender.  

Por um instante se coloque no lugar do seu cliente. Imagine que você precisa fazer uma cotação e o fornecedor demora “uma vida” para responder. A sensação é de que você não é importante, não é mesmo?!  

Da mesma forma o seu cliente também tem essa sensação quando você demora para responder a cotação de frete dele.  

Claro que essa não é a realidade, seus clientes são importantes. O que acontece é que você está atolado em tantas tarefas operacionais que não sobra tempo para responder prontamente os pedidos de cotação de frete. A consequência disso é que você vai perder vendas. 

Por isso, é essencial entender que não dá mais para perder tempo em tarefas manuais, como olhar e-mail por e-mail, fazer o cálculo manualmente, responder mensagens no WhatsApp, atender ligações…  

Até dá para fazer dessa forma, mas se você quer escalar a sua transportadora precisa fazer diferente e automatizar as tarefas operacionais o quanto antes. Porque quanto mais automatizada for a sua transportadora, mais você escala e te sobra tempo. 

Alguns empresários ainda pensam que implantar tecnologia é algo muito caro e fora da realidade. Mas na verdade já existem sistemas muito bons que “cabem no bolso” até mesmo de transportadores que estão começando. 

 

Transmita CREDIBILIDADE aos seus clientes RESPONDENDO RÁPIDO a COTAÇÃO DE FRETE

 

2º Erro: Não ter controle e nem histórico da cotação de frete 

Para entender a gravidade desse erro, vou te contar uma história que é rara… mas acontece com muita frequência em algumas transportadoras. 😅 

Imagine que um potencial cliente, vamos chamá-lo de José, liga para saber uma cotação de frete. Durante a ligação você faz os cálculos manualmente, conversa sobre os detalhes da carga e fornece uma estimativa do custo do frete.  

Aí você desliga o telefone, todo animado por ter supostamente fechado mais um negócio para a empresa.  

Alguns dias passam e o José entra em contato novamente para cotar outro frete e diz ter recebido uma oferta mais baixa de outra empresa, e está considerando fechar com o seu concorrente porque está mais barato. 

Sem um registro das cotações anteriores, você não tem como saber se consegue cobrir a oferta da concorrência ou se o José estava apenas blefando para conseguir um preço melhor. 

Sendo bem sincero, até dá para controlar as cotações de frete dessa forma. Inclusive, você pode ter anotado no seu caderno ou no WhatsApp, mas quando você precisar consultar alguma dessas informações, vai dar um trabalho gigantesco e ainda corre o risco de ter perdido as anotações. 

Você percebe que não dá para gerenciar a sua transportadora no escuro? Sem um controle confiável e sem um histórico das cotações de frete, você perde muitas oportunidades de negócio e dinheiro. 

Quando você não tem um sistema para registrar as informações, fica impossível saber quantas cotações de frete foram feitas, quantas viraram vendas e identificar pontos de melhorias nas suas estratégias comerciais. 

 

3º Erro: Decidir o preço do frete sem analisar o histórico.

Definitivamente sem dados históricos não é possível saber se está na direção correta. Os seus dados de cotação são uma mina de ouro… 

Não é possível escalar sem métricas. Você precisa saber o que deu certo e o que deu errado para acertar mais vezes. 

Por que você acha que os técnicos anotam tudo que aconteceu no jogo? Eles precisam melhorar a performance, assim como você precisa melhorar a performance da sua transportadora. 

Se você está envolvido em várias tarefas operacionais, demorando “uma vida” para responder os clientes, registrando cotações em papéis sem histórico… sinto te dizer que a sua transportadora está estagnada e ficando para trás. 

Porque se você não consegue medir o potencial de crescimento que a sua transportadora tem, também não consegue definir metas para expandir a empresa. 

No decorrer desses anos, falando com mais de mil transportadoras de diferentes segmentos, percebi que a raiz desse problema geralmente é a mesma: o dono da transportadora precisa administrar e ser operacional ao mesmo tempo.  

Só quando você “soltar o osso” do operacional e focar realmente na administração da sua empresa e na análise estratégica dos seus números, aí sim vai conseguir escalar de vez sua transportadora. 

Por exemplo, já pensou ter um dashboard para visualizar todas as suas cotações de frete? Imagine ter uma televisão aí na sua sala mostrando todos esses números: quantas cotações foram fechadas, quantas você perdeu, quais ainda estão em aberto, qual é sua taxa de conversão em vendas…  

Isso é fantástico, agora você vai poder escalar sua transportadora com base em números reais! 

Olha, tenho uma analogia muito boa sobre esse negócio de escalar…  

Imagine um aventureiro que quer escalar uma montanha. Existe um preparo mental e físico. Primeiro ele define o tamanho da montanha que vai escalar, ele se analisa para saber se consegue chegar no topo, tem um mapa, tem equipamentos… para escalar a sua transportadora, não é diferente. 

Ou seja, você precisa: 

  • Definir os objetivos claros… o “topo da montanha“; 
  • Ter um guia ou mapa estratégico para orientar o caminho; 
  • Contar com indicadores que apontem se está no rumo certo. 

Se você quer saber como escalar de vez a sua transportadora, vou compartilhar em um evento online e gratuito o método que fez transportadores como você conseguirem escalar seu negócio, faturar mais e aumentar a lucratividade. 

 

COTAÇÃO DE FRETE: 3 ERROS não tão óbvios na sua TRANSPORTADORA 1

 

Gostou do conteúdo? Conheça nossa empresa e nossas soluções para simplificar a logística e transporte.  

Aproveite para seguir as nossas páginas nas redes sociais. Estamos no Facebook, Instagram, YouTube e Linkedin!   

Comentários

Dúvidas? Entre em contato!